PROCESSAMENTO DE SUCO CONCENTRADO ADICIONADO DE FARINHA DE SEMENTE DE MELÃO AMARELO

Autores

  • Geovana Silva Alves IFSertãoPE
  • Jânio Eduardo de Araújo Alves IFSertãoPE
  • Camilla Salviano Bezerra Aragão IFSertãoPE
  • Luciana Façanha Marques IFSertãoPE
  • Cicera Emiliane Pereira Silva
  • Keila Maiara Correia Alves
  • Érica Camila Oliveira Neves de Araújo

DOI:

https://doi.org/10.31416/rsdv.v7i1.99

Palavras-chave:

Tecnologia, Alimentos, Processamento, Frutos, Suco, Melão, Concentrado, Sementes

Resumo

O melão apresenta uma vida útil pós-colheita relativamente curta, o que tem dificultado consideravelmente a sua comercialização nos mercados mais distantes dos centros de produção. O processamento do melão promove o prolongamento do consumo do fruto, contudo acarreta ainda lançamento de rejeitos, como por exemplo, sementes. Assim, o presente estudo teve como objetivo o desenvolvimento de suco concentrado de melão amarelo com adição de farinha de semente da própria fruta. Os melões e sementes seguiram processamento. A polpa e o suco concentrado, com ou sem adição da farinha da semente, foram submetidos a análises químicas, físico-químicas e sensorial. Dentre as formulações estudadas, o suco concentrado com adição de 0,5 % de farinha de semente de melão amarelo, revelou resultados positivos dentre as demais formulações, haja vista o incremento nutricional percebido pela análise cinzas, bem como a aceitabilidade exposta através da análise sensorial. Contudo, como todo estudo, a presente pesquisa demanda por mais estudos afim de otimizar e fomentar ainda mais a produção de suco concentrado de melão amarelo.

Referências

ARAÚJO, J. L. P.; CORREIA, R. C.; 1 ALELUIA, J. C. N. Custo de produção e rentabilidade do melão do Submédio São Francisco. Comunicado Técnico. Petrolina: EMBRAPA, 2005.

AOAC – Association of Official Analytical Chemists. Official Methods of Analysis, USA, 18th ed. Washington: AOAC, 1094 p, 2010.

BISSOLI JUNIOR, W. Qualidade de mangas (Mangifera indica L. cv. ‘Tommy Attkins’) sob influência da pulverização pré-colheita dos frutos com cálcio e boro. Lavras: UFLA, Dissertação mestrado, p. 86, 1992.

CABRAL, L. M. C.; CANDÉA, I. V.; CANDÉA, T. V.; MECENAS, A. S.; PINTO, T. M.; MATTA, V. M. Processamento de polpas e sucos de frutas por processos com membranas. Rio de Janeiro: Embrapa Agroindústria de Alimentos, 2010. 25 p. ISSN 1516-8247.

DE SOUSA, A. E. D.; BARRETO, N. D. S.; DE MELO, D. R. M.; BATISTA, P. F.; FILHO, F. S. T. P.; AROUCHA, E. M. M.; DE SOUZA, P. A. Avaliação de perdas pós-colheita de melão na cadeia comercial em Mossoró-RN. Hortic. bras., v. 27, n. 2, 2009.

FNP CONSULTORIA & COMÉRCIO. Melão. In:______. Agrianual 2010: Anuário da Agricultura Brasileira. São Paulo, p.397-400, 2010.

IAL. Normas Analíticas do Instituto Adolfo Lutz -Métodos químicos e físicos para análise de alimentos. 3. ed. São Paulo: Instituto Adolfo Lutz, v. 4, p.533, 2008.

LIMA, A.S.; FIGUEIREDO, R. W.; MAIA, G. A.; LIMA, J. R.; NETO, M. A. S.; SOUZA, A. C. R. Estudo das variáveis de processo sobre a cinética de desidratação osmótica de melão. Ciência e Tecnologia de Alimentos, Campinas, 24:282-286, 2004.

MARCHETTO, A. M. P.; ATAIDE, H. H.; MASSON, M. L. F.; PELIZER, L. H.; PEREIRA, C. H. C.; SENDÃO, M. C. Avaliação das partes desperdiçadas de alimentos no setor de hortifruti visando seu reaproveitamento. Simbio-Logias, 1:1-14, 2008.

MELO, M. L. S.; NARAIN, N.; BORA, P. S. Characterisation of some nutritional constituents of melon (Cucumis melo hybrid AF-522) seeds. Food Chemistry, 68: 411-414, 2000.

MELO, E. A.; MACIEL, M. I. S.; DE LIMA, V. L. A. G.; NASCIMENTO, R. J. Capacidade antioxidante de frutas. Brazilian Journal of Pharmaceutical Sciences, 44(2), 2008.

MORETTI, C. M.; MACHADO, C. M. M. Aproveitamento de resíduos sólidos do processamento mínimo de frutas e hortaliças. 4, 2006, São Pedro. In: ENCONTRO NACIONAL SOBRE PROCESSAMENTO MÍNIMO DE FRUTAS E HORTALIÇAS. Palestras, Resumos, Fluxogramas e Oficinas... Piracicaba: USP/ESALQ, 2006. p. 25-32.

NEGREIROS, A. M. P. Crescimento, produção e qualidade do melão produzido sob Lithothamnium. Dissertação (Mestrado em Fitotecnia) –Universidade Federal Rural do Semi-Árido. Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação. 85 f. 2015.

NETO, R. M. S.; ABREU, F. A. P.; PESSOA; L. F. P.; QUEIROZ, E. M. Características físico-químicas e compostos aromáticos do suco de melão clarificado por microfiltração tangencial. Revista Eletrônica. Teccen, 2016.

OLIVEIRA, A. M.; GURGEL, A. F.; LIMA, L. C. R. Diagnóstico do agronegócio do melão (cucumis melo l.) Produzido em Mossoró/RN: estudo de caso em três empresas Produtoras, In.: Holos, ano 21, setembro/2005.

PADUAN, M. T.; CAMPOS, R. P.; CLEMENTE, E. Qualidade dos frutos de tipos de melão, produzidos em ambiente protegido. Revista Brasileira de Fruticultura, 29:535-539, 2007.

RESENDE, G. M.; COSTA, N. D. Sistema de produção de melão. Petrolina, Embrapa Semiárido, 5,2010. ISSN 1807-027.

SOARES, L. M. V.; SHISHIDO, K.; MORAES, A. M. M.; MOREIRA, V. A. Composição mineral de sucos concentrados de frutas brasileiras. Ciênc. Tecnol. Aliment., Campinas, 24(2): 202-206, abr.-jun. 2004.

VILELA, NJ; LANA, MM; NASCIMENTO, EF; MAKISHIMA, N. Perdas na comercialização de hortaliças em uma rede varejista do Distrito Federal. Cadernos de Ciência & Tecnologia, Brasília, v. 20, n. 3, p. 521-541, set./dez. 2003.

Downloads

Publicado

2019-04-30

Como Citar

ALVES , G. S. .; ALVES, J. E. de A. .; ARAGÃO, C. S. B. .; MARQUES, L. F. .; SILVA , C. E. P. .; ALVES, K. M. C. .; ARAÚJO, Érica C. O. N. de. PROCESSAMENTO DE SUCO CONCENTRADO ADICIONADO DE FARINHA DE SEMENTE DE MELÃO AMARELO. Revista Semiárido De Visu, [S. l.], v. 7, n. 1, p. 3–14, 2019. DOI: 10.31416/rsdv.v7i1.99. Disponível em: https://semiaridodevisu.ifsertao-pe.edu.br/index.php/rsdv/article/view/99. Acesso em: 15 ago. 2022.

Edição

Seção

Ciências Agrárias - Artigos