Tecnologias de Geoinformação na análise espacial de riscos ambientais na bacia hidrográfica do rio Cuiá

Autores

DOI:

https://doi.org/10.31416/rsdv.v9i3.234

Palavras-chave:

Geoprocessamento, Riscos Ambientais, Bacia Hidrográfica

Resumo

Este artigo tem por objetivo realizar um levantamento e avaliação dos riscos ambientais na bacia do rio Cuiá, utilizando uma metodologia que classifica as informações em inventário, monitoria, prospecção ambiental e incongruências de uso e ocupação. Baseado nisso, o estudo foi feito para os anos de 1985 e 2005. No desenvolvimento do trabalho foi feito um levantamento das condições ambientais da área de estudo. O inventário foi realizado com o objetivo de levantar todas as características físicas e representá-las em mapa. A planimetria foi gerada para identificar a extensão territorial dos fenômenos; e a monitoria para avaliar a evolução do uso do solo através do tempo. A prospecção ambiental foi realizada no sentido de obter os riscos ambientais decorrentes da ocupação urbana e a incongruência de uso mostra os conflitos existentes devido a ocupação de áreas inadequadas. O trabalho demonstrou as grandes possibilidades de aplicação dessa metodologia na análise ambiental, principalmente no que diz respeito a facilidade de manipulação de dados espaciais. Os resultados demonstraram que as áreas propícias de ocupação urbana, são, de uma forma geral, relacionadas ao baixo planalto costeiro. As demais áreas devem ser tratadas de forma diferenciada em função da sua fragilidade natural.

Biografia do Autor

Leonardo, IFNMG/UFPB

Bach. em Geografia-UFPB, Pós-graduando Geoprocessamento - NEAD/IFNMG, Doutor Eng. Civil e Ambiental - PPGCAM/UFPB

Referências

BRASIL. Ministério da Agricultura. Levantamento Exploratório e de Reconhecimento dos Solos do Estado da Paraíba. Rio de Janeiro. Convênio MA/CONTA/USAID/BRASIL, 1972 (Boletins DPFS-EPE-MA, 15 - Pedologia, 8).

CENTENO J.A.S, ANTUNES A.F.B, TREVISAN S, CORREA F. Mapeamento de áreas permeáveis usando uma metodologia orientada a regiões e imagens de alta resolução. Revista Brasileira de Cartografia 2003; 55(1):48-56.

EMBRAPA-Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária. Levantamento e reconhecimento dos solos do Estado do Paraná. Curitiba, 1984. (Boletim técnico, 57).

EMBRAPA. Centro Nacional de Pesquisa de Solos (Rio de Janeiro, RJ). Sistema brasileiro de classificação de solos. Rio de Janeiro, Embrapa Produção de Informação, 1999. 412 p.

PARAÍBA - Secretaria da Educação – UFPB. Atlas geográfico da Paraíba. João Pessoa. Grafset, 1985.

LIMA, S. F. de, ÁGUAS, T. de A, COSTA, K. C. P. Uso de Geotecnologias para análise ambiental da bacia hidrográfica do córrego Santa Fé. forum_ambiental. V 11. N 05, 2015. Disponível em:<http://amigosdanatureza.org.br/publicacoes/index.php/forum_ambiental/article/viewFile/1184/1207> acessado em: 25 de outubro de 2019.

LOPES, E.R.N.; SOUZA, J.C.; ALBUQUERQUE FILHO, J.L.; LOURENÇO, R.W. Gestão de bacias hidrográficas na perspectiva espacial e socioambiental. Economia, sociedad y território. v.20, nº 62, 2020. http://dx.doi.org/10.22136/est20201353

MABESOONE, J. M. & ALHEIROS, M. M. 1988. Origem da bacia sedimentar costeira Pernambuco-Paraíba. Rev. Bras. Geoc. São Paulo. 18(4):476-482.

MELO, N. A. Diagnóstico Geoambiental da bacia hidrográfica do rio Cuiá - João Pessoa/PB. Dissertação (Mestrado) UFPE, Recife, 2001.

PEREIRA, F.M.S.; ARAÚJO, S.H.; CUNICO, C. Mapeamento de áreas propensas ao risco ambiental no Município de Santa Rita (PB) pelo uso de Sistema de Informações. Revista Regne. V.5, Nº Especial, 2019.

SILVA, J. Geoprocessamento para análise ambiental: Rio de Janeiro: Edição do Autor.2001.

SILVA, L. P. e. Análise espacial de riscos ambientais na bacia do rio Cuiá através de técnicas de geoprocessamento – João Pessoa, 2002. Monografia de graduação (Geografia) – Universidade Federal da Paraíba/ UFPB Campus I, João Pessoa - PB. 57p.

SILVA, L.P.; SANTOS, C.A.G; LIMA, E.R.V. Aplicação de Geoprocessamento no monitoramento da dinâmica do uso do solo da bacia do rio Cuiá em João Pessoa-PB. In: 3 Simpósio Regional de Geoprocessamento e Sensoriamento Remoto, Aracajú, 2006.

SILVA, L. P. e; SANTOS, C. G. Análise espacial dos riscos de erosão e inundação na bacia do rio Cuiá. Revista Brasileira de Recursos Hídricos, v. 15, p. 21-32, 2010.

SILVA, M. C. M.; AZEVEDO, V. C. F.; LEITE, E. P. F. Mapeamento e análise do uso e ocupação do solo da bacia do rio Cuiá a partir de imagem do satélite quickbird. In: V Congresso de Pesquisa e Inovação da Rede Norte e Nordeste de Educação Tecnológica, 2010, Maceió - AL. V Congresso de Pesquisa e Inovação da Rede Norte e Nordeste de Educação Tecnológica - CONNEPI - 2010, 2010.

VALLE, I. C.; FRANCELINO, M. R.; PINHEIRO, H. S. K. Mapeamento da Fragilidade Ambiental na Bacia do Rio Aldeia Velha, RJ. Floresta Ambient. [online]. 2016, vol.23, n.2, pp.295-308. Epub Apr 01, 2016. ISSN 1415-0980. http://dx.doi.org/10.1590/2179-8087.107714.

Downloads

Publicado

2021-12-09

Como Citar

PEREIRA E SILVA, L.; CAMPOS XAVIER, A. P.; RODRIGUES VIANA DE LIMA, E. Tecnologias de Geoinformação na análise espacial de riscos ambientais na bacia hidrográfica do rio Cuiá. Revista Semiárido De Visu, [S. l.], v. 9, n. 3, p. 300–313, 2021. DOI: 10.31416/rsdv.v9i3.234. Disponível em: https://semiaridodevisu.ifsertao-pe.edu.br/index.php/rsdv/article/view/234. Acesso em: 18 ago. 2022.

Edição

Seção

Multidisciplinar - Artigos