A filosofia como mediação de formação humana na educação escolar

Autores

DOI:

https://doi.org/10.31416/rsdv.v8i2.51

Palavras-chave:

Society, Citizenship, Public Policies and Democracy

Resumo

O presente artigo tem como objetivo apresentar a filosofia como mediação da formação humana na educação escolar, tendo José Ortega y Gasset e Ivan Illich como principais pensadores que abordam a crítica ao tecnicismo e a desescolarização do modelo educacional presente. Mostrando que esses pensadores podem contribuir na compreensão histórica do passado e da atualidade. E, com certeza, podem ajudar o homem hoje a perceber o quanto a escola está distante do ideal de formação humana, sendo assim necessário lutar por uma filosofia que tem como meta ser uma mediação na educação escolar, capaz de ajudar à construção de uma humanidade que se encontra porque se conhece e é capaz de dar passos certos. Cabe a este artigo mostrar o quanto o pensamento de Ortega y Gasset é necessário para esse contexto da sociedade do século XXI, em que o tecnicismo e a especificidade de cada disciplina e de cada saber são tão difundidos e defendidos por grande
parte da população, mostrando que títulos dizem quem a pessoa é; como também a grande crítica de Ivan Illich ao modelo de educação que tem privilegiado mais a escola e seus professores, que o aluno que é e deveria ser sempre o centro e a real preocupação de toda educação.

Referências

DERRIDA, J. Le droit à la philosophie du pont de vue cosmopolitique. Vendôme: Unesco-Verdier, 1997.

DIAS, Rosa Maria. Nietzsche educador. São Paulo: Editora Scipione, 1991.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia.31. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2005.

HABERMAS. Discurso filosófico da modernidade. Lisboa: Dom Quixote, 1990.

______. Para a reconstrução do materialismo histórico. São Paulo: Brasiliense, 1983.

ILLICH, Ivan. Sociedade sem Escolas.7 ed. Petrópolis, Editora Vozes, 1985.

MARIAS, Julián. Introdução à Filosofia. Tradução: Diva Ribeiro de Toledo Piza. São Paulo: Livraria Duas cidades, 1960.

MATOS, Junot Cornélio et al. Filosofando sobre o ensino de filosofia. O Que nos Faz Pensar: Heiddeger-política, história e comunidade, Rio de Janeiro, v. 36, n. 0, p.367382,mar. 2015. Semestral.

NIETZSCHE. Sobre os futuros dos nossos estabelecimentos de ensino. Rio de Janeiro; São Paulo: PUC-RIO; Loyola, 2003 p. 41-137.

ORTEGA Y GASSET. Rebelião Das Massas. Tradução: Felipe Denardi. 5 ed. Campinas: Vide Editorial, 2016.

______. Meditação da Técnica. Trad: Luís Washington Vita. Rio de Janeiro: Livro Ibero Americano Limitada, 1963.

Downloads

Publicado

2020-05-01

Como Citar

XAVIER , V. F. . A filosofia como mediação de formação humana na educação escolar. Revista Semiárido De Visu, [S. l.], v. 8, n. 2, p. 178–183, 2020. DOI: 10.31416/rsdv.v8i2.51. Disponível em: https://semiaridodevisu.ifsertao-pe.edu.br/index.php/rsdv/article/view/51. Acesso em: 17 ago. 2022.