A profissionalização na educação básica:

uma análise do currículo mineiro

Autores

  • Fabiana Aparecida Felix IFSULDEMINAS Poços de Caldas

DOI:

https://doi.org/10.31416/rsdv.v12i2.404

Palavras-chave:

Reforma, Escolarização, Formação

Resumo

O objetivo deste artigo é analisar a profissionalização do Novo Ensino Médio conforme o Currículo Referência de Minas Gerais, que está em conformidade com a Lei 13.415 de 16 de fevereiro de 2017, que foi promulgada para implantar o Novo Ensino Médio em todo território nacional. Sendo assim, o Estado de Minas Gerais iniciou a implementação do Novo Ensino Médio para todos os estudantes matriculados no 1° ano do ensino médio em todo território mineiro no ano de 2022, data limite para a implementação da reforma. A Matriz curricular está dividida em Formação Geral Básica e Itinerários Formativos, que tem como eixos estruturantes a formação profissionalizante e precária na Educação Básica, com ênfase na preparação para o mundo do trabalho, carreira profissional e condições de competitividade, produtividade e inovação. Este artigo propõe realizar uma análise acerca do Currículo Referência de Minas Gerais e as influências do capital mediante interferência no processo de escolarização para a profissionalização precoce na Educação Básica.

Referências

ALMEIDA, F. Q.; VAZ, A. F.; Educação & Realidade, Porto Alegre, v. 38, n. 1, p. 249-270, jan./mar. 2013.

BRASIL. Lei 13.415 de 16 fevereiro de 2017. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Brasília, 2017.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília, 2018.

CIAVATTA, M.; RAMOS, M. Ensino Médio e Educação Profissional no Brasil Dualidade e fragmentação. Revista Retratos da Escola, Brasília, v.5, n.8, p. 27-41, 2011.

DIAS, V. E. M.; A educação integrada e a profissionalização no ensino médio. Tese de doutorado. Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, UFSCar, 2015.

MINAS GERAIS. Currículo Referência de Minas Gerais. Belo Horizonte, 2018.

MINAS GERAIS. Resolução 4.657. Dispõe sobre as matrizes curriculares destinadas às turmas do 1º ano do Ensino Médio e às turmas do 1º e 2º período do Ensino Médio da Modalidade da Educação de Jovens e Adultos com início em 2022 na Rede Estadual de Ensino de Minas Gerais. Belo Horizonte, 2021.

PARO, V. H.; A qualidade da Escola Pública: A importância da Gestão Escolar. In: Organizadora Fabiana da Silva Viana…[et al.], - Belo Horizonte: Mazza Edições, 2012.

SAVIANI, D.; Trabalho e educação: fundamentos ontológicos e históricos. Revista Brasileira de Educação. v.12, n. 34, 2007.

SUSSEKIND, M. L.; Momento: diálogos em educação. Editora e gráfica da Furg campus carreiros. E-ISSN 2316-3100, v. 28, n. 2, p. 269-277, mai./ago., 2019.

Downloads

Publicado

2024-06-07

Como Citar

FELIX, F. A. A profissionalização na educação básica:: uma análise do currículo mineiro. Revista Semiárido De Visu, [S. l.], v. 12, n. 2, p. 1088–1099, 2024. DOI: 10.31416/rsdv.v12i2.404. Disponível em: https://semiaridodevisu.ifsertao-pe.edu.br/index.php/rsdv/article/view/404. Acesso em: 13 jun. 2024.