Experiência do Usuário: Uma abordagem das 10 heurísticas de Nielsen no problema da acessibilidade Web no Brasil

Autores

  • ALEX FERREIRA DOS SANTOS UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA (UFRB)
  • Victória Araújo Trindade Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB)
  • Joêmia Leilane Gomes de Medeiros Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA)
  • Robson Hebraico Cipriano Maniçoba

DOI:

https://doi.org/10.31416/rsdv.v12i2.598

Palavras-chave:

Acessibilidade Web, Inclusão, Experiência de Usuário, Nielsen

Resumo

A Internet popularizou-se no fim da década de 90 e apesar de quebrar as barreiras da distância e expandir a difusão da informação e da comunicação ao redor do mundo, a mesma permitiu a acentuação e a criação de barreiras já existentes para grupos de indivíduos que dependem da acessibilidade para garantir sua autonomia. No Brasil, ainda que protegida, garantida por lei e facilitada através de diretrizes e guias, o acesso à informação não tem se mostrado efetivo na sua prática. Esse artigo propõe o uso das heurísticas de usabilidade de Nielsen durante a ideação de um site, e mostra como essas heurísticas, quando utilizadas em conjunto com a acessibilidade, vão de encontro a muitas das diretrizes de caráter visual propostas em prol da acessibilidade Web.

Referências

BRASIL. Decreto Nº 5.296 De 2 de dezembro de 2004. Regulamenta as Leis nos 10.048, de 8 de novembro de 2000, que dá prioridade de atendimento às pessoas que especifica, e 10.098, de 19 de dezembro de 2000, que estabelece normas gerais e critérios básicos para a promoção da acessibilidade das pessoas portadoras de deficiência ou com mobilidade reduzida, e dá outras providências. Disponível em: <https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2004/decreto/d5296.htm>. Acesso em: 13 de Julho 2023.

BRASIL. Lei Nº 10.098, de 19 de dezembro de 2000. Estabelece normas gerais e critérios básicos para a promoção da acessibilidade das pessoas portadoras de deficiência ou com mobilidade reduzida, e dá outras providências. Disponível em: <https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l10098.htm> Acesso em: 13 de Julho 2023.

BRASIL. Lei Nº 12.527, de 18 de novembro de 2011. Regula o acesso a informações previsto no inciso XXXIII do art. 5º, no inciso II do § 3º do art. 37 e no § 2º do art. 216 da Constituição Federal; altera a Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990; revoga a Lei nº 11.111, de 5 de maio de 2005, e dispositivos da Lei nº 8.159, de 8 de janeiro de 1991; e dá outras providências. Disponível em: <https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2011/lei/l12527.htm> Acesso em: 13 de Julho 2023.

BRASIL. Lei Nº 13.146, de 6 de julho de 2015. Institui a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Estatuto da Pessoa com Deficiência). Disponível em: <https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2015-2018/2015/lei/l13146.htm> Acesso em: 13 de Julho 2023.

FERNANDES, E. F. M.; ORRICO, H. F. Acessibilidade e inclusão social. Rio de Janeiro: Deescubra, 2008.

HVANNBERG, E. T.; LAW, E. L.; LÉRUSDÓTTIR, M. K. Heuristic evaluation: Comparing ways of finding and reporting usability problems. Interacting with computers, v. 19, n. 2, p. 225-240, 2007.

ISO. ISO 9241-210:2019. Ergonomics of human-system interaction — Part 210: Human-centred design for interactive systems. 2019. Disponível em: <https://www.iso.org/standard/77520.html>. Acesso em: 13 de Julho 2023.

MOVIMENTO WEB PARA TODOS. “A web ainda não é convidativa para as pessoas com deficiência”, diz Leonardo Gleison. 2020. Disponível em: < https://mwpt.com.br/a-web-ainda-nao-e-convidativa-para-as-pessoas-com-deficiencia-diz-leonardo-gleison/>. Acesso em: 13 de Julho 2023.

MOVIMENTO WEB PARA TODOS. Metodologia utilizada no estudo de acessibilidade em sites ativos e aplicativos Android (Brasil, 2021). 2021b. Disponível em: <https://mwpt.com.br/metodologia-utilizada-no-estudo-de-acessibilidade-em-sites-ativos-e-aplicativos-android-realizado-em-2021/>. Acesso em: 13 de Julho 2023.

MOVIMENTO WEB PARA TODOS. Número de sites brasileiros aprovados em todos os testes de acessibilidade mantém crescimento, mas ainda é menos de 1% do total. 2021a. Disponível em: <https://mwpt.com.br/numero-de-sites-brasileiros-aprovados-em-todos-os-testes-de-acessibilidade-mantem-crescimento-mas-ainda-e-menos-de-1-do-total/>. Acesso em: 13 de Julho 2023.

NBR. NORMA ABNT NBR BRASILEIRA ICS ISBN 978-65-5659-371-5. Número de referência 147 páginas edição 9050 Quarta 03.08.2020. Acessibilidade a edifcações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos. Accessibility to buildings, equipament and the urban environment, 2020.

NIELSEN, J. Enhancing the explanatory power of usability heuristics. Proceedings of the SIGCHI conference on Human Factors in Computing Systems. p. 152-158, 1994a.

NIELSEN, J. NIELSEN NORMAN GROUP. 10 Usability Heuristics for User Interface Design. 2020. Disponível em: <https://www.nngroup.com/articles/ten-usability-heuristics/> Acesso em: 13 de Julho 2023.

NIELSEN, J.; MACK, R. L. Heuristic evaluation. Usability Inspection Methods, John Wiley & Sons, New York, NY, 1994b.

NIELSEN, J.; MOLICH, R. Heuristic evaluation of user interfaces, Proc. ACM CHI'90 Conf. (Seattle, WA, 1-5 April), 249-256, 1990.

SILVA, C. G.; COELHO, V.; SILVA, M. A. R. Guideline for designing accessible systems to users with visual impairment: Experience with users and accessibility evaluation tools. International Conference on Enterprise Information Systems. SCITEPRESS, p. 151-157, 2017.

SOUZA, E. R. D. Acessibilidade web: diferentes definições e sua relação com o design universal. Diálogo com a Economia Criativa, Rio de Janeiro, v. 1, n. 1, p. 13-28, janeiro, 2016.

W3C. Web Accessibility Initiative WAI. Disponível em: <https://www.w3.org/WAI/>. Acesso em: 13 de Julho 2023a.

W3C. Web Content Accessibility Guidelines (WCAG) 2.2. W3C W3C Candidate Recommendation Draft 17 May 2023b. Disponível em: < https://www.w3.org/TR/WCAG/>. Acesso em: 13 de Julho 2023.

Downloads

Publicado

2024-06-07

Como Citar

FERREIRA DOS SANTOS, A.; ARAÚJO TRINDADE, V. .; LEILANE GOMES DE MEDEIROS, J.; HEBRAICO CIPRIANO MANIÇOBA, R. . Experiência do Usuário: Uma abordagem das 10 heurísticas de Nielsen no problema da acessibilidade Web no Brasil . Revista Semiárido De Visu, [S. l.], v. 12, n. 2, 2024. DOI: 10.31416/rsdv.v12i2.598. Disponível em: https://semiaridodevisu.ifsertao-pe.edu.br/index.php/rsdv/article/view/598. Acesso em: 13 jun. 2024.