Ensino-aprendizagem de Física via mínimos quadrados com auxílio de planilha eletrônica

Autores

  • Francisco Joceildo da Silva IFSertãoPE
  • Eriverton da Silva Rodrigues IFSertãoPE
  • Alisson dos Anjos Gomes IFSertãoPE
  • Cícero Jailton de Morais Souza IFSertãoPE

DOI:

https://doi.org/10.31416/rsdv.v4i3.152

Palavras-chave:

Lei de Ohm, resistividade, Física experimntal

Resumo

A precisa realização desse projeto buscou promover a utilização do Método dos Mínimos Quadrados utilizando a planilha eletrônica como ferramenta computacional no ensino de Física Experimental para alunos do ensino médio. Neste sentido, se trata de uma forma de aproximar resultados de medidas experimentais reduzindo ao máximo as flutuações que aparecem dentro desse conjunto, esses desvios precisam ser justificados ao máximo para que se possa obter um valor experimental com uma precisão considerável. Para a aplicação desse recurso foi utilizado o experimento de resistividade elétrica com a segunda lei de Ohm, este que consiste em medir a resistência de diferentes tipos de material variando sua área e seu comprimento.

Referências

BETZ, M. E. M. e RIBEIRO-TEIXEIRA, R. M.

Material instrucional apresentando conteúdos de

métodos computacionais para o ensino de

Física. Caderno brasileiro de Ensino de

Física. Florianópolis. Vol. 29, p. 787-811,

BRASIL, PCN+ Ensino Médio. Orientações

Educacionais Complementares aos

Parâmetros Curriculares Nacionais: Ciências

da Natureza, Matemática e suas tecnologias

(MEC-SEMTEC, Brasília, 2002).

CARVALHO, A.M.P.; GIL-PÉREZ, D.

Formação de professores de Ciências. 4a

Edição. São Paulo: Cortez, 2000.

JIMÉNEZ, M. e OTERO, L. La ciencia como

construcción social. Cuardenos de Pedagogía,

Barcelona, v.43, n. 180, 1990.

MEES, A. A. Implicações das teorias de

aprendizagem para o ensino de Física.

Universidade Federal do Rio Grande do Sul-

UFRGS. Rio Grande do Sul, 2002. Disponível:

<http://www.if.ufrgs.br/~amees/teorias.htm.

Acesso em 25 de junho de 2016.

MORGADO, M. J. L. Formação de

professores de matemática para o uso

pedagógico de planilhas eletrônicas de

cálculo: análise de um curso a distância via

Internet, Tese de Doutorado.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO

CARLOS, 2003.

SEARS, F. et. al. FÍSICA 3 –

ELETROMAGNETISMO. Editora Addison

Wesley, 12a Edição, 2009.

SOLBES, J. e VILCHES, A. Interacciones

C/T/S: un instrumento de cambio actitudinal.

Revista Enseñanza de las Ciencias, Barcelona,

v. 7, n. 1, 1989.

Downloads

Publicado

2016-12-31

Como Citar

SILVA, F. J. da .; RODRIGUES, E. da S.; GOMES, A. dos A.; SOUZA, C. J. de M. . Ensino-aprendizagem de Física via mínimos quadrados com auxílio de planilha eletrônica. Revista Semiárido De Visu, [S. l.], v. 4, n. 3, p. 190–195, 2016. DOI: 10.31416/rsdv.v4i3.152. Disponível em: https://semiaridodevisu.ifsertao-pe.edu.br/index.php/rsdv/article/view/152. Acesso em: 18 ago. 2022.

Edição

Seção

Ciências Exatas e da Terra - Artigos