Teorias da aprendizagem aplicadas na EPT: correlação com os constructos pessoais de George Kelly

Autores

  • Yane Ferreira Machado IFSertãoPE
  • Willian da Silva Melo IFSertãoPE
  • Cristiane Ayala de Oliveira IFSertãoPE http://orcid.org/0000-0003-3552-4229
  • Francisco Kelsen de Oliveira IFSertãoPE

DOI:

https://doi.org/10.31416/rsdv.v7i2.90

Palavras-chave:

Educação Profissional e Tecnológica, homem-cientista, abordagens da aprendizagem

Resumo

Este artigo apresenta uma revisão sistemática acerca das principais abordagens teóricas da aprendizagem empregadas na Educação Profissional e Tecnológica (EPT) e explora como a abordagem cognitivista de George Kelly pode oferecer contribuições para essa área da educação. Foi percebida uma maior ênfase no uso de abordagens cognitivistas e humanistas nas experiências relatadas nos trabalhos, bem como a utilização da aprendizagem colaborativa em contextos que envolvem recursos tecnológicos e da teoria da aprendizagem significativa em que o estudante é considerado como possuidor de saberes prévios, e isso deve ser valorizado e incorporado no processo de ensino-aprendizagem. Em relação à abordagem dos constructos pessoais de George Kelly, considera-se que ela pode contribuir para tornar o processo educacional mais alinhado ao desenvolvimento dos educandos, contudo, o sistema educacional brasileiro ainda apresenta uma grande ênfase em metodologias tradicionais e isso acaba dificultando outros arranjos na relação de ensino-aprendizagem nos espaços formais de educação.

Referências

BOTELLA, L.; FEIXAS, G. Teoria de los constructos personales: Aplicaciones a la practica psicológica. Barcelona: Blanquerna,1998. Disponível em:<https://www.researchgate.net/publication/31739972_Teoria_de_los_Constructos_Personales_aplicaciones_a_la_practica_psicologica > Acesso em: 22 Abr. 2019.

CHIARI, G. GEORGE A. Kelly And his personal constructo theory. [S.l.]: the george kelly society, 2017.Disponível em: < https://www.academia.edu/33154925/George_A._Kelly_and_His_Personal_Construct_Theory_iBook_ > Acesso em: 22 Abr. 2019.

CISNE, R. Processos entre Ensino, Aprendizagem e Avaliação: Uma Experiência em Curso no Turismo. Revista Rosa dos Ventos –Turismo e Hospitalidade, 8(IV), pp. 555-574, out-dez, 2016. DOI: http://dx.doi.org/10.18226/21789061.v8i4p555Acesso em 10 Abr. 2019

DIAS, C.A. Grupo focal: técnica de coleta de dados em pesquisas qualitativas. 2000. Disponível em: <http://periodicos.ufpb.br/index.php/ies/article/download/330/252>. Acesso em: 10 Abr. 2019.

FALBO. R.A. Mapeamento Sistemático. [S.l.: s.n.], [ca. 2017]. Disponível em: <https://inf.ufes.br/~falbo/files/MP/TP/Sobre_MS.pdf> Acesso em: 27 out. 2018

GUIMARÃES, M.I. S. O uso de tecnologias de informação para a construção de conhecimentos nos sistemas de aprendizagem no ensino médio integrado do IFMG(Dissertação de mestrado).Projetos, Dissertações e Teses em Sistemas de Informação e Gestão do Conhecimento, v. 5, n. 2, jul-dez, 2016. Disponível em < http://www.fumec.br/revistas/sigc/issue/view/264> Acesso em 10 Abr 2019.

GOMES, I. S.; CAMINHA, I. D. O. Guia para estudos de revisão sistemática: Uma opção metodológica para as ciências do movimento humano. Movimento, v. 20, n. 1, p. 395–411, 2014.

KELLY, G. A. The psychology of personal constructs: A theory of personality volume 1. London: Routledge, 1991. Disponível em: < https://www.taylorfrancis.com/books/9780203405970> Acesso em: 22 Abr. 2019.

KITCHENHAM, B. A.; CHARTERS, S. Guidelines for performing Systematic Literature Reviews in Software Engineering. Technical Report EBSE-2007-01, 2007.

LOBATO, C. da C. Estratégias metodológicas de ensino-aprendizagem na educação à distância: um Estudo de caso no Instituto Federal do Amapá(Dissertação de Mestrado). TEDE-Sistema de Publicação Eletrônica de Teses e Dissertações UFRRJ, 2016. Disponível em <https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/jspui/2264> Acesso em 10 Abr 2019

OSTERMANN, F.; CAVALCANTI C. J. H. Teorias de aprendizagem. 1 ed. Porto Alegre: Evangraf, 2011. Disponível em: < http://www.ufrgs.br/sead/servicos-ead/publicacoes-1/pdf/Teorias_de_Aprendizagem.pdf > Acesso em: 22 Abr. 2019.

RAMOS, M.N. História e política da educação profissional. Curitiba: Instituto Federal do Paraná, 2014. -(Coleção formação pedagógica; v. 5).

RUTZ DA SILVA, S.; BRINATTI, A.; CHAVES DE ANDRADE, A. A experiência das disciplinas de formação docente em ensino de Física no MNPEF-UEPG: proposta pedagógica, reflexões e ações. Revista Espaço Pedagógico, v. 25, n. 2, p. 339-363, mai/ago 2018. DOI:https://doi.org/10.5335/rep.v25i2.8168Acesso em 02 Abr. 2019.

SAMPAIO, R.; MANCINI, M. Estudos de revisão sistemática: um guia para síntese. Revista Brasileira de Fisioterapia, v. 11, p. 83–89, 2007.

SANTOS, R. V. dos. Abordagens do processo de ensino e aprendizagem. Integração, São Paulo, ano XI, n.40, p.19-31, jan/fev/mar, 2005. Disponível em <https://social.stoa.usp.br/articles/0034/1812/abordagens_de_processo_de_ensino_e_aprendizagem.pdf> Acesso em 14 Abr. 2019.

Downloads

Publicado

2019-08-31

Como Citar

MACHADO, Y. F. .; MELO, W. da S. .; OLIVEIRA , C. A. de .; OLIVEIRA, F. K. de . Teorias da aprendizagem aplicadas na EPT: correlação com os constructos pessoais de George Kelly. Revista Semiárido De Visu, [S. l.], v. 7, n. 2, p. 151–165, 2019. DOI: 10.31416/rsdv.v7i2.90. Disponível em: https://semiaridodevisu.ifsertao-pe.edu.br/index.php/rsdv/article/view/90. Acesso em: 18 ago. 2022.

Edição

Seção

Ciências Humanas - Artigos