Processo de transferência e adaptação de tecnologia e conhecimento: o caso EMBRAPA Semiárido

Autores

  • Maria Gomes da Conceição Lira IFSertãoPE
  • Brigitte Renata Bezerra de Oliveira UFRPE

DOI:

https://doi.org/10.31416/rsdv.v2i2.185

Palavras-chave:

Inovação, Desenvolvimento, Semiárido

Resumo

O objetivo geral desse estudo é analisar o papel da Embrapa Semiárido no desenvolvimento socioeconômico do polo Petrolina/Juazeiro com foco no processo de transferência de tecnologias. O arcabouço teórico é constituído pela contextualização histórica do Nordeste, seus indicadores sociais e as alternativas de convivência com a seca através de Arranjos Produtivos Locais, políticas públicas e Inovações tecnológicas. A pesquisa é qualitativa de caráter exploratório, descritivo e analítico, do tipo estudo de caso na Embrapa Semiárido. A coleta de dados primários e secundários foi realizada utilizando a observação direta, análise documental e entrevistas semi-estruturadas, com representantes da sociedade e funcionários da instituição selecionada. A análise através da triangulação dos dados representa a descrição e interpretação das informações coletadas. Concluiu-se que a Embrapa Semiárido tem dado grandes contribuições para o desenvolvimento do Polo Petrolina/Juazeiro e que há necessidade de melhorias nas atividades de Transferência de Tecnologia por ela desenvolvida.

Referências

ALBAGLI, S.; MACIEL, M. L. Informação e conhecimento na inovação e no desenvolvimento local. Ci. Inf., Brasília, v. 33, n. 3, p.9-16, 2004. Disponível em: <http://revista.ibict.br/index.php/ciinf/article/viewArticle/587> Acesso em 07 set. 2009.

BONNAL, P.; MALUF R. Políticas de desenvolvimento territorial e a multifuncionalidade da agricultura familiar no Brasil. In: Colóquio internacional de desenvolvimento territorial sustentável. Florianópolis, 2007. Disponível em: <http://www.cidts.ufsc.br/>. Acesso em 02 out. 2009

BUARQUE, C. O pensamento em um mundo terceiro mundo. In: BURSZTYN, Marcel.Para pensar o desenvolvimento sustentável. São Paulo: Brasiliense, 1993.

BUARQUE, C. O pensamento em mundo Terceiro Mundo. In: BURSZTYN, M. (org.) Para pensar o desenvolvimento sustentável. 2a. ed. São Paulo: Brasiliense, 1994.

CARVALHO, O. de; EGLER, C. A. G. Alternativas de desenvolvimento para o nordeste semi-árido. Fortaleza: Banco do Nordeste do Brasil, 2003. 204 p.

CROCCO, M.; HORÁCIO, F. Industrialização Descentralizada: Sistemas Industriais Locais O Arranjo Produtivo Moveleiro de Ubá. Contrato BNDES/FINEP/FUJB. (Nota Técnica, 38). Rede de Pesquisa em Sistemas Produtivos e Inovativos Locais, IE/UFRJ, 2001.

EMBRAPA SEMI-ÁRIDO. IV Plano Diretor da Embrapa Semi-Árido: 2008 - 2011 - 2023. Petrolina, 2008. 37 p. il. EMBRAPA SEMI-ÁRIDO. Relatório de gestão 2006. Petrolina, 2006. 81p. il. Elaborado por EDUARDO A. M.; GISLENE F. B. G.; LUIZA T. DE L. B.; MAGNA S. B. DE M.; MARIA A. C. DE L.; NEIDE M. G. L.

EMBRAPA SEMI-ÁRIDO. Relatório de gestão 2007-2008.Petrolina,2009a. EMBRAPA. Transferência de tecnologia da Embrapa: estado da arte. Apresentação em slide.Brasília, 2009c.

FÉLIX, C; HAROLDO, S. MARIA, O. No Semi-árido, Viver é Aprender a Conviver: Conhecendo o Semi-árido em Busca da Convivência. 2007 Disponível em: Acesso em 26 ago. 2009

FLEURY, A.; FLEURY, M. T. L. Estratégias Empresariais e Formação de Competências: Um Quebra-Cabeça Caleidoscópico da Indústria Brasileira. 2. ed. São Paulo: Editora Atlas, 2001. 169 p.

HAGUETTE, T.M.F. Metodologia qualitativa na sociologia. Petrópolis: Vozes, 2001.

IBGE. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.Contagem da população 2007. Disponível em http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/contagem2007/contagem.pdf Acesso em 28 ago. 2009

LACERDA, M. A. D.; LACERDA, R. D. O Cluster da fruticultura no Pólo Petrolina/Juazeiro. Revista de Biologia e Ciências da Terra, v.4, 2004, n.1, 22 p.

LASTRES, H. M. M.;FERRAZ, J. C. Economia da Informação, do Conhecimento e do Aprendizado, em Informação e Globalização na Era do Conhecimento. Editora Campus, 1999.

LAKATOS, E. M.;MARCONI, M. Fundamentos de metodologia científica. São Paulo: Atlas, 2001.

MERRIAM, S. B. Qualitative research and case study applications in education. San Francisco: Jossey-Bass, 1998

MORAES, L. B. de. A força dos valores sócio culturais nos Arranjos Produtivos Locais(APLs) – um novo olhar sobre a espiral do conhecimento, V Encontro Latino de Economia Política da Informação, Comunicação e Cultura, Salvador, 2005. Disponível em: <http://www.gepicc.ufba.br/enlepicc/pdf/LeonardoBarbosaDeMoraes.pdf> Acesso em 24 set. 2009

SILVA, E. L; MENEZES, E.M. Metodologia da pesquisa e elaboração de dissertação. 3. ed. Florianópolis: UFSC/LED, 2001.

SILVA, P. C. G. da; GUIMARÃES FILHO, C. Eixo tecnológico da ecorregião Nordeste. In: SOUSA, I. S. F. de (Ed.). Agricultura familiar na dinâmica da pesquisa agropecuária. Brasília, DF: Embrapa Informação Tecnológica, 2006. cap. 3. p. 109-161.

OLIVEIRA FILHO, S. F. S.; XAVIER, L. F.; COSTA, E. F. A fruticultura irrigada do Pólo Petrolina-Juazeiro e a possibilidade de acesso a novos mercados. In: IV Encontro de Economia Baiana - Políticas Públicas e Desenvolvimento Econômico, 2008, Salvador- BA. Anais do IV encontro de economia Baiana - Políticas Públicas e Desenvolvimento Econômico, 2008.

TONETO JR., R. Proposta para avaliação dos pólos de desenvolvimento integrado. Fortaleza: Banco do Nordeste do Brasil, 2004.

YIN, Robert K. Estudo de caso: planejamento e métodos. 2. ed. Porto Alegre: Brookman, 2001.

Downloads

Publicado

2012-08-31

Como Citar

LIRA , M. G. da C. .; OLIVEIRA, B. R. B. de. Processo de transferência e adaptação de tecnologia e conhecimento: o caso EMBRAPA Semiárido. Revista Semiárido De Visu, [S. l.], v. 2, n. 2, p. 274–284, 2012. DOI: 10.31416/rsdv.v2i2.185. Disponível em: https://semiaridodevisu.ifsertao-pe.edu.br/index.php/rsdv/article/view/185. Acesso em: 16 ago. 2022.

Edição

Seção

Ciências Sociais Aplicadas - Artigos