QUALIDADE MICROBIOLÓGICA E PH DE POLPAS DE FRUTAS CONGELADAS COMERCIALIZADAS EM CAMPINA GRANDE - PB.

Autores

  • Cíntia de Sousa Bezerra Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Paraíba
  • Katia Davi Brito Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Paraíba
  • Sofia Raquel Tavares de Oliveira Santos Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Paraíba
  • Ana Júlia de Souto Paulo Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Paraíba
  • Amanda Sophia Silveira Santos Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Paraíba

DOI:

https://doi.org/10.31416/rsdv.v11i3.585

Resumo

Com o objetivo de verificar a segurança para a saúde dos consumidores das polpas de frutas comercializadas no município de Campina Grande foram realizadas análises microbiológicas e verificado o potencial hidrogeniônico (pH). Polpas das frutas abacaxi, acerola, caju, goiaba, maracujá, manga, e morango de 3 marcas diferentes foram adquiridas em supermercados e levadas ao laboratório para análise. A análise de Escherichia coli foi executada pelo teste de tubos múltiplos determinando, a quantificação dos bolores e leveduras foi determinada pelo plaqueamento em superfície (spread plate) e para verificação da presença ou ausência de Salmonella na amostra  foi utilizado o kit compact dry Salmonella SL®. Todas as amostras estavam dentro do padrão estabelecido pela RDC nº 724, de 01 julho de 2022 e IN nº 161, 01 de julho de 2022 da Agência nacional de vigilância sanitária para contagem de E. coli, ausência de Salmonella sp e quantificação de bolores e leveduras. O pH de duas amostras, goiaba da marca B e morango da marca C estavam abaixo dos padrões de identidade e qualidade determinados pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, esse resultado pode ser consequência do uso de acidulantes por parte dessas empresas.

Biografia do Autor

Cíntia de Sousa Bezerra, Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Paraíba

Profesora do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Paraíba

Graduada em Ciências biológicas

Mestre em Genética e Biologia Molecular

Doutora em Fitopatologia

Katia Davi Brito, Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Paraíba

 

Professora titular do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba.

Graduada em Engenharia Química.

Mestre em Ciência e Tecnologia de Alimentos.

Doutorado em Engenharia de Processos.

Sofia Raquel Tavares de Oliveira Santos, Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Paraíba

Discente do Curso tecnico em Química intregador ao ensino médio do IFPB Campus Campina Grande.

Bolsista PIBIC-EM CNPq.

Ana Júlia de Souto Paulo, Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Paraíba

Discente do Curso tecnico em Química intregado ao ensino médio do IFPB Campus Campina Grande.

Bolsista PIBIC-EM CNPq.

Amanda Sophia Silveira Santos, Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Paraíba

Discente do Curso tecnico em Química intregado ao ensino médio do IFPB Campus Campina Grande.

Bolsista PIBIC-EM CNPq.

Referências

ALEGBELEY O. O., SINGLETON, I., SANT'ANNA, A. S. Sources and contamination routes of microbial pathogens to fresh produce during field cultivation: a review. Food Microbiology, v. 73, p. 177-208. 2018. Disponível em : <https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0740002017310158?via%3Dihub > Acesso em: 10/03/2023

ALMEIDA, R. L. J. et al.. Avaliação da qualidade microbiológica de polpas de morango (fragaria vesca l.). Anais III CONAPESC... Campina Grande: Realize Editora, 2018. Disponível em: <https://www.editorarealize.com.br/index.php/artigo/visualizar/42970>. Acesso em: 24/06/2023 17:11

ARAÚJO , E. C. O. N. de .; ALVES , J. E. de A. .; MARQUES , L. F. . Avaliação de parâmetros de qualidade de polpas de frutas congeladas comercializadas no município de Salgueiro-PE. Revista Semiárido De Visu, [S. l.], v. 6, n. 1, p. 4–11, 2018. DOI: 10.31416/rsdv.v6i1.117. Disponível em: https://revistas.ifsertaope.edu.br/index.php/rsdv/article/view/117. Acesso em: 14 jul. 2023.

BARBOSA, H. P. et al. Avaliação do pH de polpas de frutas comercializadas no Município de João Pessoa, Paraíba, Brasil. Revista Brasileira de Gestão Ambiental e Sustentabilidade, [S.L.], v. 8, n. 18, p. 319-326, 2021. Revista Brasileira de Gestão Ambiental e Sustentabilidade. http://dx.doi.org/10.21438/rbgas(2021)081820. Disponível em: http://revista.ecogestaobrasil.net/v8n18/v08n18a20a.html. Acesso em: 30 jun. 2023.

DANTAS, R. L. et al. Qualidade microbiológica de polpa de frutas comercializadas na cidade de Campina Grande, PB. Revista Brasileira de Produtos Agroindustriais, v. 14, n. 2, p. 125-130, 2012.

BRASIL. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Instrução Normativa nº 37/00, de 08/10/2018. Parâmetros analíticos e quesitos complementares aos padrões de identidade e qualidade de polpa de fruta. Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Brasília, DF, Seção I, p.28. 2018.

BRASIL. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Instrução Normativa no 01, de 07 de janeiro de 2000. Regulamento Técnico Geral para Fixação dos Padrões de Identidade e Qualidade para Polpa de Fruta. Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 10 jan. 2000. Brasil. Ministério da Saúde. Resolução no 12, de 02 de janeiro de 2001. Regulamento Técnico sobre Padrões Microbiológicos para Alimentos. Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 10 jan. 2001.

BRASIL. Ministério da Saúde. Resolução nº 12, de 02 de janeiro de 2001. Regulamento Técnico sobre Padrões Microbiológicos para Alimentos. Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 10 jan. 2001

BRASIL. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Instrução Normativa n° 49, de 26 de setembro de 2018. Instrução Normativa estabelece a complementação dos Padrões de Identidade e Qualidade de Suco e Polpa de Fruta. Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 27, set. 2018.

BRASIL. Ministério da Saúde. Resolução no 60, de 23 de dezembro de 2019. Instrução Normativa estabelece as listas de padrões microbiológicos para alimentos prontos para oferta ao consumidor. Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 26 dez. 2019.

BRASIL. Ministério da Saúde. Instrução Normativa - IN Nº 161, de 1º de julho de 2022. Estabelece os padrões microbiológicos dos alimentos. Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 6 jul. 2022.

FAO. Food and agriculture data: production: crops. Disponível em: https://www.fao.org/faostat/en/#data. Acesso em: 30 jun. 2023.

GOMES, L. F. de M. et al. Perfil microbiológico de polpas de frutas congeladas consumidas no nordeste brasileiro: uma revisão sistemática. Research, Society And Development, [S.L.], v. 10, n. 15, p. 1-15, 21 nov. 2021. Research, Society and Development. http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v10i15.22536. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/22536. Acesso em: 20 jun. 2023.

INSTITUTO ADOLFO LUTZ. Métodos físico-químicos para análise de alimentos. 4. ed. São Paulo: Instituto Adolfo Lutz, 2008. 1020 p. Disponível em: https://wp.ufpel.edu.br/nutricaobromatologia/files/2013/07/NormasADOLFOLUTZ.pdf. Acesso em: 06 jul. 2023.

MACHADO, S. S. et al. Caracterização de polpas de frutas tropicais congeladas comercializadas no recôncavo baiano. Revista Ciência Agronômica, v. 38, n. 2, p. 158-163. 2007. Disponível em: https://www.redalyc.org/pdf/1953/195317449005.pdf. Acesso em: 30 jun. 2023.

MORAES, J. de O.; MACHADO, M. R. G. Qualidade microbiológica de polpa de frutas no Brasil: um panorama dos anos 2010 a 2020. Research, Society And Development, [S.L.], v. 10, n. 7, p. 1-19, 18 jun. 2021. Research, Society and Development. http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v10i7.16377. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/16377. Acesso em: 20 jun. 2023.

SANT'ANNA, P. B; FRANCO, B. M.; MAFFEI, D. F. Microbiological safety of ready?to?eat minimally processed vegetables in Brazil: an overview. Journal Of The Science Of Food And Agriculture, [S.L.], v. 100, n. 13, p. 4664-4670, 8 maio 2020. Wiley. http://dx.doi.org/10.1002/jsfa.10438. Disponível em: https://onlinelibrary.wiley.com/doi/abs/10.1002/jsfa.10438. Acesso em: 15 fev. 2023.

SANTOS, E. H. F., FIGUEIREDO NETO, A., DONZELI, V. P. Aspectos físico-químicos e microbiológicos de polpas de frutas comercializadas em Petrolina (PE) e Juazeiro (BA). Brazilian Journal of Food Technology, 19, e2015089b. 2016.

SANTOS, R. de E.; VIEIRA, P. P. F. Avaliação da qualidade microbiológica de polpas de frutas artesanais produzidas e comercializadas nos mercados públicos do município de João Pessoa. Brazilian Journal Of Development, [S.L.], v. 6, n. 9, p. 72847-72857, 29 set. 2020. Brazilian Journal of Development. http://dx.doi.org/10.34117/bjdv6n9-654. Disponível em: https://ojs.brazilianjournals.com.br/ojs/index.php/BRJD/article/view/17416. Acesso em: 10 nov. 2022.

SANTOS, J. S.; SANTOS, M. L. P.; AZEVEDO, A. S. Validação de um método para determinação simultânea de quatro ácidos orgânicos por cromatografia líquida de alta eficiência em polpas de frutas congeladas. Química Nova, v. 37, n. 3, p. 540-544, 2014. https://doi.org/10.5935/0100-4042.20140087

SILVA, C. E. F., ABUD, A. K. S. Tropical fruit pulps: processing, product standardization and main control parameters for quality assurance. Brazilian Archives of Biology and Technology, 60, 2017.

SILVA, N.; JUNQUEIRA, V. C. A.; SILVEIRA, N. F. De A.; TANIWAKI, M. H., GOMES, A.R.; OKAZAKI, M. M. Manual de Métodos de Análise Microbiológica de Alimentos e água. 5. ed. São Paulo: Brucher. 2017

SILVA, L. M. R. et al. Quantification of bioactive compounds in pulps and by-products of tropical fruits from Brazil. Food chemistry, 143, 398–404. 2014

SOUSA, Y. A. et al. Avaliação físico-química e microbiológica de polpas de frutas congeladas comercializadas em Santarém-PA. Brazilian Journal Of Food Technology, [S.L.], v. 23, p. 1-10, 10 fev. 2020. FapUNIFESP (SciELO). http://dx.doi.org/10.1590/1981-6723.08518. Disponível em: https://www.scielo.br/j/bjft/a/rsrfq7wkhwGkk89PYsC77hg/?lang=pt&format=html#. Acesso em: 20 mar. 2023.

Downloads

Publicado

2023-12-29

Como Citar

DE SOUSA BEZERRA, C.; BRITO, K. D.; TAVARES DE OLIVEIRA SANTOS, S. R.; DE SOUTO PAULO, A. J.; SILVEIRA SANTOS, A. S. QUALIDADE MICROBIOLÓGICA E PH DE POLPAS DE FRUTAS CONGELADAS COMERCIALIZADAS EM CAMPINA GRANDE - PB. Revista Semiárido De Visu, [S. l.], v. 11, n. 3, p. 578–591, 2023. DOI: 10.31416/rsdv.v11i3.585. Disponível em: https://semiaridodevisu.ifsertao-pe.edu.br/index.php/rsdv/article/view/585. Acesso em: 2 mar. 2024.

Edição

Seção

Ciências Biológicas - Artigos