Dinâmica da qualidade da água de poços artesianos para consumo animal no sertão central de Pernambuco

Autores

  • Rodrigo da Silva Lima Instituto Federal do Sertão Pernambucano

DOI:

https://doi.org/10.31416/rsdv.v11i3.574

Resumo

Objetivou-se com esse trabalho verificar a dinâmica das características físico-químicas da água de poços artesianos localizados no sertão central de Pernambuco. O estudo foi realizado na microrregião do Sertão Central de Pernambucano e envolveu os municípios de Salgueiro, Verdejante, Mirandiba, Terra Nova e Cedro. A pesquisa teve como campo de investigação 12 poços artesianos distribuídos na microrregião do Sertão Central de Pernambucano e escolhidos ao acaso. Foram coletadas seis amostras de água de cada poço, totalizando 60 amostras. As coletas foram bimestrais e aconteceram no período de 01 de agosto de 2016 a 31 de julho de 2017. Nesse estudo, foi determinada a condutividade elétrica, pH e os cátions (Ca2+, Mg2+, Na+, K+) e ânios (Cl-, HCO3-, SO42-). Verificou-se uma alta concentração de sódio e cloreto nas águas de alguns poços analisados. A concentração de cálcio também se mostrou elevada. Os outros parâmetros analisados se mostraram estáveis e dentro das normas de potabilidade. As águas analisadas podem ser utilizadas para a dessedentação animal mediante acompanhamento sobre potenciais alterações no consumo de alimentos, sobretudo nas águas com maiores concentrações de sódio.

Referências

ALVAREZ-VÁZQUEZ, L.J., GARCÍA-CHAN, N., MARTÍNEZ, A., VÁZQUEZ-MÉNDEZ, M.E. SOS: A numerical simulation toolbox for decision support related to wastewater discharges and their environmental impact. Environmental Modelling & Software. v.26, p.543-545, 2011.

BANDEIRA, D.J.A., ARAGÃO, K.P, FURTADO, D.A., MARQUES, J. I., JÚNIOR, S.B.C. Influência da salinidade da água no consumo de ração e água de ovinos Santa Inês. 9º Congresso de educação agrícola superior. Areia-PB, 27 a 30 de outubro de 2014, Nº ISSN/0101-756X.

BRAGA, E.A.S., AQUINO, M.D., ROCHA, C.M.S., MENDES, L.S.A.S., SALGUEIRO, A.R.G.N.L. Classificação da água subterrânea com base nos sólidos totais dissolvidos estimado. Associação brasileira de águas subterrâneas. Seção Estudos de Caso e Notas Técnicas, 2021.

DOMINGUES, P.F., LANGONI, H. Manejo Sanitário Animal. Editora de publicações biomédicas. 1. ed. 2001. 210 p.

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária. Disponível em: < https://www.embrapa.br/busca-de-noticias/-/noticia/79161397/estudo-aponta-valores-de-referencia-para-consumo-de-agua-em-propriedades leiteiras#:~:text=Em%20um%20sistema%20a%20pasto,por%20sua%20produtividade%20de%20leite >. Acesso em: 30/05/2023.

ESTEVAM, M., SILVA, A.W., SILVA, F.F. Análise física da água de entrada no sistema agroindustrial de curtume em Maringá-Paraná. Ciência e Natura. Santa Maria, v.41, e16, p. 01-09, 2019.

FARIAS, D.S.C.R., FARIAS, S.A.R., ARAÚJO, R.M., SILVA, R.M.G., NETO, J.D. Qualidade da água para fins de dessedentação animal. Congresso técnico científico da engenharia e da agronomia. Centro de eventos do Ceará - Fortaleza - CE, 15 a 18 de setembro de 2015.

FUNDAÇÃO NACIONAL DE SAÚDE (FUNASA). Manual prático de análise de água. Ministério da saúde. Brasília, 2004. 148 p.

LIMA, R.S., GOMES, J.A.F., SILVA, E.G., AQUINO, R.S., ARRAES, F.D.D. Método matricial de formulação de rações para vacas leiteiras. Publicações em medicina veterinária e zootecnia (PUBVET). v.11, n.10, p.1057-1073, out, 2017.

LUCAS, A.A.T., FOLEGATTI, M.V., DUARTE, S.N. Qualidade da água em uma microbacia hidrográfica do rio Piracicaba, SP. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental. v.14, n.9, p.937-943, 2010.

MACEDO, E.S., TEIXEIRA, E.G., SILVA, G.F. Determinação do teor de cloreto total na água consumida pelos dissentes do IFMA-Campus Zé Doca (Método de Mohr). VII Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação. Palmas, Tocantins, 2012, ISBN 978-85-62830-10-5.

MINISTÉRIO DA SAÚDE, Portaria Nº 518, de 25 de Março de 2004.

MINISTÉRIO DA SAÚDE, Portaria Nº 2.914, de 12 de Dezembro de 2011.

MINISTÉRIO DA SAÚDE, Portaria nº 1.469, de 29 de Dezembro de 2000.

NEVES, J.F. Qualidade da água para animais de produção. Gado Holandês, n. 128, p.32-34, 1986.

ESTEVES, F. Fundamentos de limnologia. 3. ed. Rio de Janeiro: Interciência, 2011. 826 p.

PEIXOTO, S.C., MERLUGO, C.D., MACIEL, A., SOLNER, T.B. Potabilidade da água de poços artesianos: diagnósticos de amostras dos municípios do Rio Grande do Sul. Ciência e Natura. Santa Maria. v.41, e.1, p. 01-07, 2019.

REECE, W.O. Fisiologia dos animais domésticos (DUKES). 12 ed. Guanabara, 2007, 914 p.

SILVA, A.B., FILHO, E.D.S., CÂMARA, J.C.S., SANTOS, M.L.O., SANTOS, D.R., FREITAS, M.L.A., SANTOS, J.L.I., SILVEIRA, P.L.N. Química ambiental: monitoramento físico-químico da água de um poço artesiano na cidade de Remígio-PB. Associação Brasileira de Águas Subterrâneas. Seção Estudos de Caso e Notas Técnicas, 2019.

VITÓ, C.V.G., SILVA, L.J.B.F., OLIVEIRA, K.M.L., GOMES, A.T., NUNES, C.R.O. avaliação da qualidade da água: determinação dos possíveis contaminantes da água de poços artesianos na região noroeste fluminense. Acta Biomédica Brasiliensia. v.7, n.2, Dezembro de 2016.

ZERWES, C.M., SECCHI, M.I., CALDERAN, T.B., BORTOLI, J., TONETTO, J.F., TOLDI, M., OLIVEIRA, E.C., SANTANA, E.R.R. Análise da qualidade da água de poços artesianos no município de imigrante, Vale do Taquari/RS. Ciência e Natura, Santa Maria, v.37, n.4, p.651-663, 2015.

Downloads

Publicado

2023-12-29

Como Citar

RODRIGO DA SILVA LIMA. Dinâmica da qualidade da água de poços artesianos para consumo animal no sertão central de Pernambuco. Revista Semiárido De Visu, [S. l.], v. 11, n. 3, p. 563–577, 2023. DOI: 10.31416/rsdv.v11i3.574. Disponível em: https://semiaridodevisu.ifsertao-pe.edu.br/index.php/rsdv/article/view/574. Acesso em: 2 mar. 2024.

Edição

Seção

Ciências Agrárias - Artigos